Eleições no Brasil

Ciro Gomes diz-se "profundamente preocupado com ameaças" ao país

Ciro Gomes diz-se "profundamente preocupado com ameaças" ao país

O candidato Ciro Gomes disse estar "profundamente preocupado com o que está a acontecer no Brasil" e considerou haver "uma situação potencialmente ameaçadora" ao futuro do país.

Numa curta declaração feita junto da sua família, em Fortaleza, Ciro Gomes disse lamentar as "muitas ameaças" que considera que o Brasil enfrenta, e pediu mais tempo para pensar no seu próprio futuro.

"Nunca vi uma situação tão complexa, tão desafiadora e potencialmente ameaçadora sobre a nossa sorte enquanto nação", disse o candidato que ficou em quarto lugar na primeira volta, com cerca de 3% dos votos.

PUB

"Deem-me mais algumas horas para falar com o meu partido, com os meus amigos, para ver como mais bem servir a nação brasileira", pediu, antes de abandonar o palco, o antigo ministro de Lula da Silva, que ganhou as eleições de domingo e irá enfrentar Jair Bolsonaro, o atual chefe de Estado (extrema-direita).

Ao longo da campanha, Ciro Gomes teceu duras críticas a Lula da Silva, acusando-o de corrupção, o que gerou declarações de voto de apoiantes ao candidato do Partido dos Trabalhadores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG