Terrorismo

Amigo dos autores do ataque de San Bernardino acusado de conspiração terrorista

Amigo dos autores do ataque de San Bernardino acusado de conspiração terrorista

Enrique Márquez, vizinho dos autores do atentado em San Bernardino, na Califórnia, foi detidos esta quinta-feira, acusado de envolvimento no ataque que matou 14 pessoas a 2 de dezembro.

Enrique Márquez, amigo dos autores do ataque em San Bernardino, foi acusado pelas autoridades federais de conspiração terrorista em projetos de atentados em 2011 e 2012.

Segundo o departamento norte-americano de Justiça, Enrique Márquez é também processado de ter comprado ilegalmente duas armas usadas no tiroteio de dia 2 de dezembro em San Bernardino, Califórnia, que matou 14 pessoas e feriu outras 22.

Os autores do ataque são um casal, Syed Farook e Tashfeen Malik, que tinham consigo mais de 1600 balas e guardavam mais 4500 em casa: 2500 para espingardas e 2000 para pistolas, segundo as autoridades norte-americanas.

Farook et Malik foram mortos a 2 de dezembro na sequência de uma troca de tiros com a polícia.

Enrique Márquez, de 24 anos, o amigo do casal agora detido, enfrenta ainda uma outra acusação por ter "enganado os serviços federais de imigração", ao realizar um falso casamento com uma mulher da família de Syed Farook.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG