Terrorismo

Detidos 20 alegados membros do grupo Estado Islâmico na Turquia

Detidos 20 alegados membros do grupo Estado Islâmico na Turquia

A polícia turca anunciou esta quinta-feira a detenção de 20 alegados membros do grupo extremista Estado Islâmico (EI) em Istambul, numa altura em que as autoridades locais intensificam as operações antiterrorismo por causa das celebrações do Ano Novo.

Entre terça e quarta-feira, as forças de seguranças realizaram ações de patrulhamento e de identificação em 48 locais de Istambul, que é considerada a maior cidade da Turquia com cerca de 16 milhões de habitantes, indicaram fontes policiais citadas pelas agências internacionais.

Vinte pessoas suspeitas de pertencer ao EI foram detidas, referiram as mesmas fontes, sem precisar as nacionalidades dos detidos.

Em 2017, um ataque perpetrado na véspera do Ano Novo numa discoteca de Istambul matou pelo menos 39 pessoas.

O ataque seria posteriormente reivindicado pelo grupo extremista EI.

A Turquia tem vindo a intensificar esforços para o repatriamento de presumíveis 'jihadistas' estrangeiros desde que lançou uma ofensiva militar no norte da Síria em outubro último.

Ancara acusa os países ocidentais de não quererem repatriar os respetivos cidadãos que ingressaram nas fileiras do EI na Síria e no Iraque, insistindo frequentemente que o Ocidente tem de assumir as suas responsabilidades nesta matéria.

Outras Notícias