Ambiente

Detidos 22 agricultores por provocarem poluição atmosférica na Índia

Detidos 22 agricultores por provocarem poluição atmosférica na Índia

As autoridades indianas detiveram, na quarta-feira, 22 agricultores do norte da Índia por queimarem restolho e causarem a pior poluição de ar no país, anunciou fonte do Governo.

O porta-voz governamental Awanish Awasthi disse que as detenções ocorreram hoje no estado de Uttar Pradesh, no distrito de Pilibhit, e os agricultores enfrentam acusações de desobediência à proibição de queima de restolho e de tornar a atmosfera nociva.

O restolho é a parte dos cereais que, depois da ceifa, permanece enraizada no solo.

Na semana passada, o Tribunal Supremo da Índia ordenou uma multa de até 100 mil rupias para aqueles que poluam o ar.

A poluição do ar no norte da Índia atinge o pico no inverno devido ao fumo de incêndios agrícolas, que se mistura com as emissões dos veículos e o pó da construção.

O índice de qualidade do ar em Nova Deli excedeu cerca de 10 vezes o nível máximo recomendado no início deste mês, mas ventos fortes reduziram o nível de poluição (de 500 para 250) esta semana.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG