Mundo

Disney vai sinalizar áreas de jacarés nos resorts

Disney vai sinalizar áreas de jacarés nos resorts

Após a morte de uma criança de dois anos num lago de um hotel da Disney na Florida, EUA, a empresa vai instalar novos sinais de aviso de jacarés nos seus resorts.

O menino de dois anos brincava na beira do lago artificial quando foi arrastado para a água por um jacaré, num resort da Disney na Florida, Estados Unidos. O corpo de Lane Grave foi descoberto na quarta-feira por mergulhadores.

O lago em questão tinha um sinal de "proibido nadar", mas sem fazer referência à presença dos animais. Na Florida, é comum haver estes avisos em campos de golfe, lagoas e parques públicos.

Os sinais vão agora avisar explicitamente do perigo de jacarés, disse o jornal "Orlando Sentinel" e outros meios de comunicação dos EUA, citando fontes anónimas que dizem ter "conhecimento da situação".

"Todas as nossas praias estão atualmente fechadas, e estamos a fazer uma revisão rápida e completa de todos os nossos processos e protocolos", disse quinta-feira em comunicado o vice-presidente da Walt Disney Resort, Jacquee Wahler.

Os pais tentaram ainda socorrer a criança, mas não o conseguiram salvar o menino do jacaré. A causa de morte da criança deve-se a afogamento e lesões traumáticas.

A família, oriunda do Nebraska, estava a passar uns dias de férias no Grand Floridian Resort & Spa da Disney World.