Espanha

Dois casos de vírus do Nilo detetados em Sevilha

Dois casos de vírus do Nilo detetados em Sevilha

Dois casos de vírus do Nilo, infeção viral transmitida pela picada de mosquitos, foram detetados em Sevilha, Espanha, estando uma das pessoas nos cuidados intensivos, anunciou, esta sexta-feira, a autoridade regional de Saúde e Famílias espanhola.

O primeiro dos casos foi confirmado pelo Centro Nacional de Microbiologia e o segundo pelo laboratório de referência em Granada, referiu a autoridade sanitária em comunicado, no qual assinala que estes dois casos foram comunicados ao Sistema de Vigilância Epidemiológica. O resultado dos testes levou à ativação do respetivo protocolo de medidas de saúde pública.

Em 20 de agosto, o vírus do Nilo fez a primeira vítima mortal deste ano em Espanha, uma septuagenária da localidade sevilhana de Coria del Río.

Tal como estabelecido no Programa de Vigilância e Controlo Integral de Vetores da Febre do Nilo Ocidental, a autoridade de Saúde e Famílias convocou o Comité da Direção para uma reunião na terça-feira.

O Ministério Regional da Saúde recordou que foram realizadas várias ações após a declaração de um surto em 2020, incluindo a criação de um grupo de especialistas em controlo de mosquitos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG