Nelson Mandela

Obama, George W. Bush e Bill Clinton vão ao funeral de Mandela

Obama, George W. Bush e Bill Clinton vão ao funeral de Mandela

Obama e a mulher Michelle vão viajar para África do Sul para assistir ao funeral de Mandela e em outros tributos em memória do Nobel da Paz. George W. Bush e a mulher, Laura, também estarão presentes, assim como Bill e Hillary Clinton.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, telefonou, na sexta-feira, à viúva do antigo chefe de Estado sul-africano Nelson Mandela, para expressar as suas condolências e agradecer-lhe a "alegria" que ela deu à vida do Nobel da Paz.

"O presidente agradeceu à senhora Machel pela profunda influência que Nelson Mandela teve nele e sublinhou o poder do exemplo de Mandela para o povo de África do Sul e para todo o mundo", indicou a Casa Branca em comunicado.

Obama "expressou gratidão pela alegria que Graça Machel trouxe para a vida de Mandela e o compromisso com um mundo pacífico, justo e pleno de amor que ela partilhou com o ex-presidente Mandela", acrescentou.

George W. Bush (2001-2008) e a sua mulher Laura aceitaram o convite de Barack Obama e da sua mulher Michelle, para viajarem com eles no avião presidencial Air Force One para assistir às cerimónias fúnebres do antigo chefe de Estado sul-africano, indicou o porta-voz do ex-presidente, Freddy Ford, em comunicado.

As datas da viagem ainda não foram, contudo, divulgadas, pelo que se desconhece se os casais Obama e Bush estarão presentes tanto no funeral de Estado, previsto para dia 15, na cidade natal de Nelson Mandela, Qunu, como na homenagem programada para a próxima terça-feira, dia 10, em Joanesburgo.

O antigo Presidente Bill Clinton (1993-2001) também confirmou que vai participar no funeral, com a sua mulher e ex-secretária de Estado, Hillary, mas não especificou se irá para África do Sul a bordo do Air Force One.

A morte do primeiro presidente negro da África do Sul, Nelson Mandela, aos 95 anos, foi anunciada na quinta-feira à noite pelo chefe do Estado sul-africano, Jacob Zuma, motivando, de imediato, reações de pesar a nível mundial.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG