Crime de honra

Duas raparigas mortas no Paquistão por causa de vídeo na Net

Duas raparigas mortas no Paquistão por causa de vídeo na Net

Duas jovens foram mortas no Paquistão na sequência de um vídeo que foi divulgado na internet. Polícia acredita que se tratou de um "crime de honra".

As duas jovens, de 16 e 18 anos, foram mortas a tiro por um familiar, na quinta-feira, em Shaam Plain Garyom, uma aldeia no noroeste do Paquistão.

O crime aconteceu depois de um vídeo, onde as duas jovens apareciam ao lado de um rapaz, se ter tornado viral na internet, explicou a polícia, de acordo com a BBC.

Dois homens foram detidos, este domingo, no âmbito deste caso. São ambos familiares das vítimas, segundo a agência de notícias francesa AFP e o jornal local "Dawn", que citam fontes policiais.

No vídeo, um rapaz filma-se na companhia de três jovens numa área isolada ao ar livre. O vídeo já terá perto de um ano mas há poucas semanas tornou-se viral nas redes sociais, referiu um oficial da polícia ao jornal paquistanês.

"Neste momento, a nossa prioridade é garantir a segurança da terceira rapariga e do rapaz do vídeo", acrescentou.

Segundo a organização de direitos humanos Human Rights Watch a violência contra mulheres e raparigas no Paquistão é um problema grave. Estima-se que cerca de mil "crimes de honra" ocorram anualmente no país.