Exclusivo

Entrevista a Xanana Gusmão: "Não há desenvolvimento sem paz"

Entrevista a Xanana Gusmão: "Não há desenvolvimento sem paz"

Xanana Gusmão lembrou, em Coimbra, que Timor-Leste só começou a desenvolver-se depois de alcançada a estabilidade, em 2008.

O antigo presidente timorense esteve em Coimbra, numa conferência em que falou do G7+, associação que engloba 20 países em situação de fragilidade ou conflito. Destaca o desenvolvimento de Timor-Leste ao longo dos últimos 30 anos, apesar de alguma instabilidade, mostra-se muito pessimista em relação ao futuro dos países mais fragilizados, sobretudo com a pandemia, e lamenta a falta de diálogo interno atualmente em Timor-Leste, mas culpa o responsável da Fretilin.

Representa uma associação que envolve alguns dos países em situação mais frágil do Mundo. Que ponto da situação faz desses países?

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG