Exclusivo

Era do "merkelismo" chega ao fim com a Europa intacta

Era do "merkelismo" chega ao fim com a Europa intacta

Angela Merkel esteve à frente da Alemanha durante 16 anos. Quatro mandatos depois, dará lugar a um novo líder, eleito este domingo.

Estão a chegar ao fim os dias de Angela Merkel como chanceler alemã. A dirigente que foi apelidada de Dama-de-Ferro da Europa vai deixar a liderança do país ao fim de 16 anos, durante os quais foi considerada a salvadora da estabilidade da União Europeia. Conduziu os estados-membros, incluindo Portugal, durante uma das maiores crises económicas. E conseguiu estar aberta à mudança, através do pragmatismo que a caracteriza, superando, muitas vezes, as suas próprias crenças. Mas quem é Merkel, a líder mais poderosa da Europa?

Em 16 anos de liderança, sobreviveu a escândalos, referendos, e à saída do Reino Unido da União. Durante os quatro mandatos, muitos foram os que saíram e entraram, e Merkel manteve-se inabalável - quer durante a crise económica de 2008, quer perante as ameaças de dissolução da União Europeia, e até na grande onda migratória que chegou à Europa em 2015 -, com uma política que nunca se baseou em promessas. Esteve sempre focada no aqui e no agora.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG