Mundo

Escócia pode ditar futuro Governo no Reino Unido

Escócia pode ditar futuro Governo no Reino Unido

As eleições desta quinta-feira no Reino Unido poderão representar um autêntico terramoto político na Escócia: os nacionalistas do Scottish National Party (SNP) preparam-se para apagar o Partido Trabalhista do mapa político regional e poderão tornar-se na chave da próxima legislatura britânica.

"Muitos escoceses votam no SNP mais por serem socialistas do que que independentistas". A convicção é de Rufus Graham, ator escocês residente em Londres e simpatizante dos trabalhistas. É, no entanto, um dos muitos escoceses que se sentem abandonados pelo partido liderado por Ed Miliband: "o Labour já não é social-democrata, agora é um partido orientado para o mercado. Perdeu o contacto com a classe trabalhadora e deixou de defender o Estado social".

Desencanto com Miliband

O desencanto dos escoceses com os trabalhistas é tal que o partido poderá ser praticamente esmagado pelo SNP nas eleições: se em 2010 o partido nacionalista escocês elegeu apenas seis dos 59 representantes em Westminster, este ano a formação poderá conquistar a totalidade dos lugares.

"A Escócia é uma nação que defende mais a igualdade", argumenta Graham. "Os ingleses não nos entendem. Tratam-nos como se fôssemos uma antiga colónia". Por outro lado, "os escoceses também não perdoaram a Ed Miliband a fotografia que tirou junto a David Cameron e a Nick Clegg para defender o "Não" no referendo à independência da Escócia", explica o ator. "Muitos escoceses sentiram-se traídos e disseram: nunca mais votarei nos trabalhistas". Apesar de, a nível estatal, a formação escocesa ter pouco mais de 4%, o sistema eleitoral britânico (que elege apenas um deputado por cada círculo eleitoral) permite que o partido liderado por Nicola Sturgeon se converta no terceiro partido com maior representação parlamentar.

Embora o líder trabalhista, Ed Miliband, já tenha rejeitado fazer qualquer coligação com o partido que se prepara para lhe roubar todos os deputados escoceses, o SNP poderá vir a ter um papel-chave na próxima legislatura britânica. Tendo em conta que trabalhistas e conservadores se encontram em empate técnico nas sondagens e dificilmente terão maioria para governar, as eleições poderão resultar num governo trabalhista minoritário apoiado pelo SNP.

Outros Artigos Recomendados