Balanço

Espanha com novo recorde de óbitos: 950 nas últimas 24 horas

Espanha com novo recorde de óbitos: 950 nas últimas 24 horas

Espanha ultrapassou, esta quinta-feira, as dez mil mortes por Covid-19, registando, nas últimas 24 horas, mais 950 óbitos.

De acordo com o jornal El País, há 110.238 pessoas infetadas com o novo coronavírus. De quarta para quinta-feira, as autoridades de saúde contabilizaram mais 8.102 novos infetados no país.

Desde o início do surto, mais de 54 mil pacientes precisaram de hospitalização e quase 27 mil pessoas já recuperaram. Nos cuidados intensivos passaram ou ainda estão 6.092 doentes.

A região com mais casos positivos de Covid-19 é a de Madrid, com 32.155 infetados e 4.175 mortos, seguida pela da Catalunha (21.809 e 2.093), a de Castela-Mancha (7.682 e 854), a de Castela e Leão (7.355 e 641) e a do País Basco (7.317 e 412).

Segundo dados divulgados esta quinta-feira, a situação criada pela pandemia é responsável, em março, pela maior subida mensal de desempregados da história de Espanha.

O número de pessoas sem emprego inscritas nos serviços públicos espanhóis aumentou em 302.265 no mês passado, alcançando um total de 3,54 milhões.

Por outro lado, segundo os dados divulgados hoje pelo Ministério do Trabalho, Migrações e Segurança Social de Espanha, 833.979 pessoas deixaram de descontar para a Segurança Social, o que também significa a maior descida mensal do número de inscritos, que no final de março era de 18,4 milhões de pessoas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG