EUA

Estrela porno processa Donald Trump

Estrela porno processa Donald Trump

A atriz pornográfica Stormy Daniels, que alegadamente terá tido um caso com Donald Trump, processou o presidente dos EUA devido ao acordo de silêncio sobre o caso, que assinou em 2016, mas que agora afirma ser inválido.

Segundo Stormy Daniels, o acordo assinado antes de 2016 é nulo, já que Trump acabou por nunca o assinar, tendo este sido acordado apenas pelo advogado pessoal do presidente norte-americano, Michael Cohen, que confirmou, no mês passado, que pagou 135 mil dólares (cerca de 108 mil euros) à atriz.

O advogado Michael D. Cohen garante que não foi reembolsado por Trump pelo valor pago a Stephanie Clifford, conhecida na indústria da pornografia pelo nome de Stormy Daniels. O pagamento era legal, disse Cohen, que não especificou os motivos da entrega do dinheiro, de acordo com o New York Times, citado pela France Press.

"Para ser claro, as tentativas para intimidar a Sra. Clifford a ficar em silêncio para proteger o Sr. Trump continuam sem cessar", pode ler-se na queixa apresentada, citada pela BBC.