Chile

Estudantes chilenos ocupam liceu

Estudantes chilenos ocupam liceu

Estudantes chilenos ocuparam um liceu em Santiago, cortaram o trânsito de uma das principais avenidas da capital e enfrentaram a polícia em mais uma manifestação a pedir reformas do sistema educativo.

Segundo fontes policiais citadas pela agência noticiosa EFE, alunos do liceu Lastarria atiraram para a rua móveis, cadeiras e outros objectos, com os quais montaram uma barricada, cortando o trânsito desde as 8.30 horas locais (13.30 em Lisboa).

A polícia, que acusou os estudantes de "agir com violência", disparou jactos de água e gás lacrimogéneo contra os estudantes, que se refugiaram dentro do liceu. Não havia notícias de feridos nem de detenções.

Há mais de dois meses que estudantes do ensino secundário e superior do Chile se manifestam para pedir melhorias no sistema de ensino. Na quinta-feira, outra manifestação resultou em confrontos violentos e 874 estudantes foram detidos.

Na sexta-feira, as federações estudantis rejeitaram formalmente um plano de 21 pontos apresentado pelo governo do Presidente Sebastián Piñera.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG