Covid-19

Europa pode somar mais meio milhão de mortos até fevereiro, adverte OMS

Europa pode somar mais meio milhão de mortos até fevereiro, adverte OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) advertiu, esta quarta-feira, que a Europa poderá somar mais meio milhão de mortos por covid-19 até ao início de fevereiro se a tendência de crescimento da pandemia continuar no continente.

"Segundo uma projeção muito fiável, a continuar esta trajetória, poderemos ter mais meio milhão de mortos por covid-19 na Europa e na Ásia Central antes de 1 de fevereiro do próximo ano", disse o diretor-regional da OMS para a Europa, Hans Kluge, numa iniciativa em Barcelona, Espanha.

Hans Kluge realçou que os países da região europeia da OMS, que inclui Estados da Europa e Ásia Central, nomeadamente a Rússia e antigas repúblicas soviéticas, vão "enfrentar uma pressão elevada ou extrema" da capacidade hospitalar até fevereiro.

Em dezembro de 2020, a Europa tornou-se a primeira região do mundo a registar meio milhão de mortos por covid-19.

De acordo com Kluge, a região europeia volta a estar no epicentro da pandemia, uma vez que o número de infeções acumuladas "está a aproximar-se rapidamente dos 80 milhões", tendo na semana passada se verificado dois milhões de novos casos.

Na terça-feira, o médico já tinha alertado para o aumento dos contágios, hospitalizações e mortes por covid-19 na Europa, apelando à intensificação da vacinação da população, em especial dos profissionais de saúde.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG