Coreia do Sul

Ex-presidente sul coreano Roh Tae-woo morreu aos 88 anos

Ex-presidente sul coreano Roh Tae-woo morreu aos 88 anos

O ex-presidente sul-coreano Roh Tae-woo morreu, esta terça-feira, aos 88 anos, segundo o Hospital Universitário Nacional de Seul.

A instituição hospitalar adiantou que Roh morreu enquanto estava a ser tratado por uma doença, mas não avançou mais pormenores.

Roh liderou uma divisão do exército em Seul em apoio ao golpe militar de 1979 que fez do seu amigo do exército Chun Doo-hwan presidente.

O golpe e uma subsequente repressão militar contra os manifestantes pró-democracia em 1980 são dois dos capítulos mais negros da história moderna da Coreia do Sul.

As revoltas pró-democracia em 1987 forçaram Roh e Chun a aceitar uma votação presidencial direta.

Roh acabou por ganhar as eleições presidenciais mais tarde, em 1987.

Após deixar o cargo admitiu ter acumulado uma fortuna que resultava de subornos e foi preso, tendo sido posteriormente perdoado numa tentativa de reconciliação nacional, passando os seus últimos anos fora da vista do público.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG