Atentado

Explosões matam 26 pessoas em Aden. Alvo do ataque era o governo do Iémen

Explosões matam 26 pessoas em Aden. Alvo do ataque era o governo do Iémen

Pelo menos 26 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas, esta quarta-feira, na sequência de uma explosão que ocorreu no aeroporto de Aden, poucos minutos depois de o avião que transportava a novo Governo ter aterrado na pista.

De acordo com a agência francesa de notícias AFP, haverá mais de 50 pessoas feridas.

Fontes oficiais afirmam que este foi um ataque "covarde" perpetrado pelos rebeldes Huti, apoiados pelo Irão.

O Ministro das comunicações, Naguib al-Awg, que estava também no avião, disse à agência Associated Press que ouviu duas explosões, sugerindo estas foram provocadas por ataques de drones.

"Teria sido um desastre se o avião tivesse sido bombardeado", disse ele, insistindo que o avião tinha sido o alvo de um ataque, já que deveria ter aterrando momentos antes.

Pelo menos duas explosões foram sentidas no aeroporto quando o avião pousou na pista e os responsáveis do novo Governo começaram a sair.

Uma fonte da segurança do aeroporto já havia informado à AFP que havia vários feridos, mas nenhum deles seriam os ministros presentes.

PUB

Imagens divulgadas pela estação de televisão saudita Al-Hadath mostram uma espessa nuvem de fumo negro a sair de um edifício do aeroporto e destroços a voarem depois de se ouvirem sons de explosões e tiros que causaram pânico entre os presentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG