Fraude

"Falsas moedas de dois euros" confundem espanhóis

"Falsas moedas de dois euros" confundem espanhóis

As autoridades espanholas estão a investigar uma rede que faz entrar no país moedas procedentes do estrangeiro e fisicamente parecidas com as de dois euros, mas que, na verdade, têm um valor muito inferior.

Fazer alertas aos cidadãos para esquemas ou fraudes, através das redes sociais, é o pão nosso de cada dia para a Guardia Civil espanhola que, este domingo, deixou um novo aviso aos seguidores.

"Parecem euros, mas são moedas estrangeiras cujo valor é muito menor", escreveu aquela força policial no Twitter.

PUB

Segundo o espanhol "El Periódico", trata-se de uma rede que introduz em território nacional moedas de países de fora da zona Euro, como se fossem moedas de dois euros, utilizando divisas semelhantes e que podem confundir os menos atentos. Alguns exemplos são os baths tailandeses, os pesos dominicanos, chilenos e uruguaios, os dólares jamaicanos e os bolívares da Venezuela.

Acontece que, em todos os casos, o valor das moedas é inferior a dois euros. A moeda de 10 pesos uruguaios vale, por exemplo, 32 cêntimos. Se estivermos no Chile, a moeda de 100 pesos chilenos, facilmente confundida com a de 1 euro, vale 13 cêntimos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG