EUA

Genro de Trump investigado pelo FBI sobre ingerências russas

Genro de Trump investigado pelo FBI sobre ingerências russas

Jared Kushner, genro e um dos principais conselheiros de Donald Trump, é um dos visados pela polícia federal (FBI) na investigação sobre as ingerências russas nas eleições presidenciais de 2016.

A notícia foi avançada na noite de quinta-feira pela televisão NBC.

Os investigadores do FBI "pensam que Kushner tem informações importantes para a sua investigação", noticiou a cadeia televisiva, que avançou que isso não significa que o marido de Ivanka Trump seja suspeito de ter cometido um crime.

Por seu lado, o Washington Post avançou que os investigadores estão interessados em "uma série de reuniões" em que Kushner participou, bem como na natureza dos seus laços com a Federação Russa.

Considerado um intermediário fundamental de Trump em matéria de política externa, Kushner reuniu-se, entre outros, com o embaixador russo nos EUA, Serguei Kislyak, em dezembro, bem como com um banqueiro russo.

O inquérito do FBI, agora dirigido pelo procurador especial Robert Mueller, deve esclarecer a existência de uma eventual "coordenação" entre membros da equipa eleitoral de Trump e o governo russo.

Outras Notícias