Emergência

Fogo faz quatro mortos em ala covid de hospital da Ucrânia

Fogo faz quatro mortos em ala covid de hospital da Ucrânia

Um médico e três pacientes morreram num incêndio que destruiu o serviço de reanimação para doentes que sofrem de covid-19 num hospital do sul da Ucrânia, disseram esta quinta-feira as autoridades do país.

O incêndio terá começado depois da meia-noite num bloco de reanimação da clínica de Zaporijia, cidade de 700 mil habitantes, indicou o serviço de Estado para situações de emergência.

Os bombeiros descobriram quatro corpos e salvaram oito pessoas, duas das quais sofreram ferimentos em virtude do incêndio.

As vítimas são um médico de 27 anos e três pacientes que se encontravam ligados a máquinas de respiração assistida, disse o representante do governo regional.

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky exprimiu "sinceras condolências" aos familiares das vítimas e enviou o ministro da Saúde, Maksym Stepanov para o local.

A polícia ucraniana indicou a abertura de um inquérito por "violação das regras de segurança" contra incêndios.

O diretor para a Europa da Organização Mundial da Saúde, Hans Kluge, declarou que se tratou de um "incêndio trágico" e exprimiu solidariedade para com os ucranianos, através de uma mensagem pela rede Twitter.

PUB

Em janeiro, um incêndio numa casa de repouso para idosos fez 16 mortos em ​​​​​​​Kharkiv no leste da Ucrânia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG