Mundo

Forças bielorrussas disparam sobre tropas polacas na fronteira

Forças bielorrussas disparam sobre tropas polacas na fronteira

As forças bielorrussas dispararam contra as tropas polacas na fronteira leste da União Europeia, na quinta-feira, segundo Ana Michalska, porta-voz da Guarda de Fronteira da Polónia

Michalska acrescentou que ninguém se feriu e que provavelmente foram usadas munições vazias, mas que, ainda assim, os guardas estão sob pressão, já que há um número crescente de incidentes em que objetos são atirados contra soldados polacos desde o lado da Bielorrússia.

O Governo da Polónia expressou, esta sexta-feira, apoio às tropas do exército e aos guardas que protegem a fronteira com a Bielorrússia da pressão migratória, depois de as forças bielorrussas terem disparado sobre as tropas polacas.

O primeiro-ministro polaco, Mateusz Morawiecki, escreveu na sua conta da rede social Twitter que "todos os poderes do Estado" estão com os guardas de fronteira e com os militares que protegem as entradas no país. "Estou e sempre estarei firmemente com os nossos soldados e com os nossos guardas de fronteira. Quero agradecer aos nossos serviços pela sua atitude profissional e responsável", disse Morawiecki.

Polónia, Lituânia e Letónia, membros da União Europeia (UE), estão a proteger as suas fronteiras contra a pressão de migrantes do Médio Oriente e de África, dizendo que estão a ser organizados e encorajados pelo Governo bielorrusso apoiado por Moscovo, que procura assim desestabilizar a UE em retaliação pelas sanções ocidentais sobre o Governo de Minsk.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG