Líbia

Forças de Kadafi matam mais de 150 prisioneiros

Forças de Kadafi matam mais de 150 prisioneiros

As forças leais a Kadafi mataram mais de 150 prisioneiros em Trípoli, em fuga face aos avanços dos rebeldes, afirmou esta sexta-feira Abdel Nagib Mlegta, responsável das operações militares da oposição na capital.

"Houve episódios de vingança nas últimas horas antes da queda do regime. Em Bab al-Aziziya [o bairro da residência de Kadafi tomado pelos rebeldes na terça-feira], houve um massacre, eles mataram mais de 150 prisioneiros", afirmou Mlegta, à France Presse.

"As tropas fizeram isso antes de fugir, lançaram-lhes granadas", disse ainda o responsável, acrescentando que as suas tropas controlam já "95%" de Tripoli.

"Restam apenas alguns pontos de resistência" nos bairros de Salah al-Din e de d'Abou Salim, disse Abdel Nagib Mlegta, que espera que os rebeldes controlem toda a capital e capturem o coronel Kadafi nas próximas 72 horas.

A Líbia é há já vários meses palco de uma contestação popular contra o regime de Muammar Kadafi, no poder há mais de quatro décadas. Esta semana, os rebeldes avançaram para a capital do país, mas ainda não conseguiram capturar o líder líbio, que continua em parte incerta.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG