Covid-19

França impõe quarentena de 10 dias a viajantes oriundos do Brasil

França impõe quarentena de 10 dias a viajantes oriundos do Brasil

O Governo francês vai impor uma quarentena rigorosa de dez dias a viajantes provenientes do Brasil, Chile, África do Sul, Argentina e Índia, de forma a conter a propagação das diferentes variantes da ​​​​​​​covid-19, foi esta quinta-feira anunciado.

Todos os passageiros que cheguem destes cinco países vão ser submetidos a uma quarentena rigorosa e vigiada pelas autoridades francesas.

O desrespeito desta quarentena pode levar a multas de entre 1000 e 1500 euros.

Para entrarem em França, os viajantes oriundos destes cinco países devem ainda apresentar um teste PCR negativo realizado nas últimas 36 horas, realizando também um teste antigénico à chegada aos aeroportos gauleses. Todas estas medidas vão entrar em vigor a partir de sábado.

Devido à situação pandémica no Brasil, também os residentes da Guiana, uma região ultramarina francesa, vão estar sujeitos às mesmas medidas, esclareceu o ministro do Interior, Gérald Darmanin, em conferência de imprensa.

O ministro indicou também que esta lista de cinco países "pode evoluir" caso a situação se agrave ou melhore nestes e noutros territórios.

A França tem vindo a registar nos últimos dias uma redução do número de novos casos positivos, tendo agora reduzido para cerca de 30 mil novos casos por dia.

PUB

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.060.859 mortos no mundo, resultantes de mais de 143,8 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG