03.11.2019

Índia

Poluição em Nova Deli atinge níveis "insuportáveis": céu de nevoeiro e rio de espuma

Poluição em Nova Deli atinge níveis "insuportáveis": céu de nevoeiro e rio de espuma

Apesar dos recentes esforços do governo indiano, que distribuiu cinco milhões de máscaras e suspendeu todas as construções e lançamentos de fogo-de-artifício durante uma semana, a qualidade do ar em Nova Deli tem-se deteriorado, caindo para níveis recorde desde há vários anos. A poluição atingiu o valor mais alto este domingo, obrigando ao cancelamento ou desvio de mais de 30 voos e ao encerramento de escolas.

A Organização Mundial de Saúde recomenda que os níveis de pequenas partículas atmosféricas que entram nos pulmões não excedam os 25 microgramas por metro cúbico numa média de 24 horas, mas em algumas zonas da cidade, revela o "The Guardian", as medições chegaram aos 999 microgramas, muito acima dos 500 que já são considerados "muito graves".

Os hospitais da capital deram conta de um aumento do número de pacientes diagnosticados com problemas respiratórios e infeções decorrentes da poluição do ar, numa altura em que o céu de Nova Deli se cobre por um espesso manto de nevoeiro branco. E no rio Yamuna, vê-se mais espuma do que água.

O chefe do governo da cidade, Arvind Kejriwal, escreveu no Twitter que a poluição atingiu níveis "insuportáveis" e que as pessoas estão a sofrer um problema causado pelos Estados vizinhos. Em novembro, a qualidade do ar piora todos os anos em novembro, quando os habitantes de Punjab e de Haryana realizam queimadas para limpar os campos agrícolas. Segundo o jornal britânico, algumas imagens de satélite mostram que só numa semana foram registadas mais de 3000 fogueiras em Estados vizinhos.

A partir de segunda-feira, os 20 milhões de veículos que circulam na capital indiana, outra das grande fontes de poluição, vão passar a poder entrar na cidade apenas em dias alternados, consoante as matrículas (dividas em pares e ímpares).

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG