Mundo

Governo britânico vai multar pais dos alunos faltosos

Governo britânico vai multar pais dos alunos faltosos

O Governo britânico vai proibir autorizações de «ausência permitida» durante o período de aulas, usadas pelos pais para férias, noticiou, este domingo,o jornal The Sunday Telegraph.

O ministro da Educação britânico, Michael Gove, anunciará no final no mês uma série de medidas para combater o absentismo escolar, que incluem multas aos pais dos alunos que regularmente faltam às aulas.

Com a nova norma, os diretores das escolas vão deixar de poder autorizar até duas semanas de "ausência permitida" durante o período escolar.

O objetivo destas autorizações era permitir a ausência dos alunos em caso de doença ou mau tempo, mas o Ministério afirmou que muitos diretores são pressionados pelos pais para gozarem férias em família em épocas mais económicas.

Os alunos britânicos perdem cerca de 4,5 dias de escola por férias familiares durante o período escolar, quando as viagens são muito mais baratas do que na época de férias, de acordo com o ministério.

O secretário-geral de Escolas e Colégios do Reino Unido, Brian Lightman, explicou que muitos pais assumem que os dias discriminados que os diretores outorgam são para poderem ir de férias quando é mais barato.

"Isto supõe um prejuízo para os alunos e torna mais difícil a vida dos professores", afirmou Lightman.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG