explosão

Governo francês ordena reforço de patrulhamento em todo país

Governo francês ordena reforço de patrulhamento em todo país

O ministro francês do Interior, Manuel Valls, ordenou na segunda-feira o reforço da presença de patrulhas por todo o país, na sequência das explosões na Maratona de Boston, que causaram, pelo menos, dois mortos.

Em comunicado citado pela AFP, o Ministério do Interior apelou aos cidadãos para tomarem atenção e vigiarem a eventual presença de "pacotes suspeitos ou de bagagens abandonadas, sem ceder a um espírito de pânico".

"Na sequência das explosões ocorridas em Boston, o ministro do Interior, Manuel Valls, pediu a prefeitos e às forças de segurança doméstica que reforcem sem demoras a presença de patrulhas", indicou o comunicado.

De acordo com o mesmo documento, a prioridade deve ser atribuída aos locais em torno de instituições públicas.

O Presidente norte-americano, Barack Obama, afirmou na segunda-feira que desconhece a autoria e a intenção por detrás das explosões registadas na maratona de Boston, que causaram pelo menos dois mortos e cerca de uma centena de feridos.

"Ainda não sabemos quem fez isto ou porquê. As pessoas não podem tirar conclusões precipitadas antes de termos todos os factos", sublinhou o Presidente norte-americano algumas horas depois de terem ocorrido duas explosões naquela prova de atletismo em Boston.

Segundo o jornal Boston Globe, as explosões deram-se perto das 15:00 locais (20:00 de Lisboa) de segunda-feira, em dia de feriado estadual.

A Maratona de Boston é um dos principais eventos desportivos norte-americanos, com perto de 27 mil corredoras e dezenas de milhares de espetadores.

Outras Notícias