Assalto

Grupo roubou 1500 moedas de ouro da Casa da Moeda do México

Grupo roubou 1500 moedas de ouro da Casa da Moeda do México

Da ficção para a realidade: um grupo de assaltantes levou 1500 moedas de ouro da Casa da Moeda do México, avaliadas em mais de 2 milhões de euros, e fugiu antes de a polícia chegar, lembrando a famosa série "La Casa de Papel".

Em plena luz do dia e numa das ruas mais movimentadas da Cidade do México, três assaltantes conseguiram executar um roubo milionário e fugir da Casa da Moeda antes de a polícia chegar. Segundo várias testemunhas, os assaltantes entraram diretamente no cofre blindado, o que leva as autoridades a suspeitar que terão tido ajuda de pelo menos oito funcionários da instituição.

Segundo as primeiras informações, os assaltantes terão levado 1500 moedas de ouro, conhecidas como "centenários" e avaliadas em 2,2 milhões de euros.

As autoridades da Cidade do México já estão a investigar, recolhendo os relatos das testemunhas do assalto e analisando as imagens de videovigilância da zona para conseguirem identificar os assaltantes.

A Casa da Moeda do México ainda não confirmou o valor total do roubo.

É o segundo roubo registado neste organismo - em 14 de julho de 2018, quatro homens encapuzados (ainda hoje por identificar) aproveitaram que o edifício estava em obras de remodelação e conseguiram fugir com moedas no valor de 135 mil euros.

Estes dois incidentes, e o recente caso ocorrido no Brasil com o roubo de 750 quilos em ouro por homens disfarçados de polícias, fazem lembrar a famosa série espanhola "La Casa de Papel", na qual os protagonistas assaltam a Casa da Moeda de Madrid.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG