Comunicado

"Há lugares melhores para aprender equilíbrio". Auschwitz pede respeito

"Há lugares melhores para aprender equilíbrio". Auschwitz pede respeito

"Lembre-se que está no local onde mais de um milhão de pessoas foram mortas. Respeite a sua memória". O comunicado foi publicado na rede social Twitter pelo Museu Estatal de Auschwitz-Birkenau, criticando os visitantes que tentam equilibrar-se nos carris da linha férrea do antigo campo de concentração nazi da II Guerra Mundial.

"Quando visita o museu de Auschwitz, lembre-se que está no local onde mais de um milhão de pessoas foram mortas. Respeite a sua memória. Há lugares melhores para aprender a andar em equilíbrio do que o local que simboliza a deportação de centenas de milhares para a morte", lê-se no texto com mais de 30 mil partilhas e quase 70 mil reações.

Os responsáveis pelo museu criticam as imagens partilhadas por visitantes nas redes sociais, em que aparecem a tentar equilibrar-se nos carris da linha de comboio de Auschwitz-Birkenau.