Mundo

Há novas imagens da Nebulosa da Chama

Há novas imagens da Nebulosa da Chama

O Observatório Europeu do Sul (ESO) divulgou uma imagem da Nebulosa da Chama de Orion captada com o rádiotelescópio APEX (Atacama Pathfinder Experiment), instalado no planalto do Chajnantor, no deserto chileno do Atacama.

A imagem, agora processada, da Nebulosa da Chama, onde é possível também observar nebulosas mais pequenas, como a Nebulosa da Cabeça de Cavalo, é baseada em observações realizadas há anos pelo antigo astrónomo do ESO Thomas Stanke e a sua equipa.

"Como os astrónomos gostam de dizer, sempre que há um novo telescópio ou instrumento disponível, observamos Orion onde há sempre algo novo e interessante a descobrir!" disse Stanke, citado pela ESO.

Orion é um dos pontos mais conhecidos do céu e "casa" das nuvens moleculares gigantes mais próximas do sol (a uma distância do solo variável entre 1300 e 1600 anos-luz), onde se formam novas estrelas e planetas, para além de suportar a Nebulosa da Chama, observável na imagem. Esta Nebulosa, aloja no seu centro uma multidão de novas estrelas que emitem radiação de alta energia e faz resplandecer os gases que a rodeiam.

Ao contrário do que o "fogo" desta imagem possa insinuar, estas nuvens são, na realidade, frias, com temperaturas de apenas alguns graus acima do zero absoluto.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG