O Jogo ao Vivo

EUA

Incêndios obrigam a retirar 500 mil pessoas do Oregon

Incêndios obrigam a retirar 500 mil pessoas do Oregon

Meio milhão de pessoas receberam ordens para deixar as suas casas no estado do Oregon, devastado pelos incêndios sem precedentes que lavram na costa oeste dos Estados Unidos.

"Cerca de 500 mil residentes do Oregon foram retirados e esse número continua a crescer", informaram na quinta-feira as autoridades, em comunicado citado pela agência de notícias France-Presse (AFP).

Os fogos florestais estendem-se por 365 mil hectares, "um recorde" no Oregon, segundo a nota. Os bombeiros combatem 37 incêndios em simultâneo naquele estado, de acordo com o Gabinete de Gestão de Emergência do Oregon.

O número de pessoas forçadas a deixar as suas casas representa mais de 10% dos cerca de 4,2 milhões de habitantes naquele estado.

Um incêndio na localidade de Molalla, no condado de Clackamas, cerca de 50 quilómetros a sul de Portland, levou a polícia a percorrer as ruas com um altifalante, gritando "Evacuar agora". A medida forçou 9 mil pessoas a deixar as suas casas naquela localidade.

Uma prisão para mulheres nos arredores de Portland foi evacuada "por precaução", informou o departamento correcional do Oregon, citado pela agência Associated Press (AP), com as detidas a serem transferidas para outras instalações.

O Oregon está a enfrentar incêndios "sem precedentes" na sua história, segundo a governadora daquele estado, Kate Brown, que previa, já na quarta-feira, "numerosas perdas, em termos de edifícios e vidas humanas".

As autoridades não fizeram ainda um balanço oficial do número de vítimas no Oregon.

Segundo a AP, pelo menos quatro pessoas morreram naquele estado nos últimos dias, de acordo com a contagem da agência, que noticiou três mortos na quarta-feira, incluindo um menor de 12 anos.

Os incêndios continuam a devastar a costa oeste dos Estados Unidos, forçando milhares a fugir e destruindo centenas de habitações.

Cerca de 14 mil bombeiros continuam a combater os incêndios florestais que se estendem do estado de Washington, que faz fronteira com o Canadá, até San Diego, no sul da Califórnia.

Além das vítimas mortais no estado do Oregon, os incêndios provocaram nos últimos dias 10 mortos na Califórnia (sete na quinta-feira e três na véspera, no condado californiano de Butte), também segundo a AP. Há ainda a registar uma morte no estado de Washington, um bebé de um ano, na quarta-feira.

Outras Notícias