Tailândia

A última foto do mergulhador herói que morreu no resgate na gruta

A última foto do mergulhador herói que morreu no resgate na gruta

No dia em que se celebra o resgate dos doze rapazes e do treinador que estavam presos numa gruta da Tailândia, a Internet recorda Saman Kunan, o mergulhador que morreu nas operações de salvamento.

Apesar de toda a alegria em torno do resgate das crianças e do treinador da Tailândia, há quem não esqueça a única vítima mortal das grutas de Chiang Rai, o mergulhador Saman Kunan.

A publicação original foi feita no dia seis de julho, o dia seguinte à morte do mergulhador. Mas logo após as notícias de que toda a equipa de futebol tinha sido resgatada, esta terça-feira, voltou a ser partilhada um pouco por todo o mundo.

"Obrigado pelo serviço e pelo sacrifício prestado para dar uma nova oportunidade", escreveu Robert Davis, autor da publicação.

Durante a madrugada da última sexta-feira, depois de entregar uma reserva de oxigénio a uma das crianças, Kunan ficou sem oxigénio para regressar à superfície, e acabou por morrer. "Ficou inconsciente no caminho de regresso, e o companheiro de mergulho tentou ajudar", disse o chefe dos comandos da Marinha tailandesa, Apakorn Yookongkaew.