Inglaterra

Autarca de Londres exige relatório ao incêndio ainda "este verão"

Autarca de Londres exige relatório ao incêndio ainda "este verão"

O presidente da câmara de Londres, Sadiq Khan, exigiu a publicação, ainda "este verão", do relatório preliminar sobre o incêndio de quarta-feira, no edifício Grenfell, na capital britânica.

"Não nos podemos permitir esperar vários anos para ter respostas, por isso peço, hoje, que ainda este verão se publique um relatório preliminar" sobre as causas do incêndio na torre Grenfell, na zona ocidental de Londres, que causou 17 mortos.

As declarações do autarca da capital britânica verificaram-se poucas horas depois de a primeira-ministra Theresa May ter anunciado uma investigação oficial sobre o incêndio.

Sadiq Khan disse ainda que as famílias afetadas têm de ter uma boa representação legal pública, durante a investigação oficial, que analisará se houve ou não negligência na manutenção do edifício.

Theresa May, que visitou o local esta quinta-feira, disse, numa breve declaração à BBC, que "é necessário assegurar" que se investiga de forma adequada o que aconteceu, para se chegar às causas do incêndio.

A primeira-ministra disse ainda que é preciso "obter todas as respostas sobre o sucedido" e esclarecer as causas do fogo que começou na madrugada de quarta-feira na torre Grenfell, um edifício com 24 andares e 120 apartamentos localizado em North Kensington e onde viviam entre 400 e 600 pessoas.

May também elogiou a resposta "extraordinária" da comunidade de vizinhos para ajudar os afetados pela "terrível tragédia", assegurando que o Governo vai realojar as pessoas que necessitem.

O líder do principal partido da oposição, Jeremy Corbyn, visitou igualmente o local e disse que a verdade sobre o incêndio tem de ser conhecida.

A polícia de Londres elevou para 17 o número de mortos no incêndio, encontrando-se ainda hospitalizadas mais de 30 pessoas, 17 das quais em estado crítico, segundo os serviços de emergência.

ver mais vídeos