Mundo

Bombardeamento em Alepo fez 44 mortos

Bombardeamento em Alepo fez 44 mortos

O número de civis mortos, na quarta-feira, em ataques russos nas zonas controladas pelo Estado Islâmico no norte da Síria subiu de 12 para 44.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, 29 civis, incluindo três crianças e nove mulheres, foram mortas em ataques em várias aldeias controladas pelo EI na província de Deir Ezzor (leste).

Outros 15 civis foram também mortos pela aviação russa em ataques à cidade de Al-Bab, bastião do autoproclamado EI na província a norte do Aleppo e arredores, refere o Observatório.

"Os ataques causaram também dezenas de feridos", segundo a mesma fonte.

Localizado a 30 km a sul da fronteira com a Turquia, Al-Bab caiu nas mãos dos rebeldes em julho de 2012.

Atualmente, a força aérea nacional e a da Rússia estão a bombardear alvos do Estado Islâmico e de outras organizações armadas, na Síria.

Além disso, os aviões da coligação internacional contra o Estado Islâmico, liderada pelos Estados Unidos, também estão a efetuar ataques aéreos no país, contra as posições dos extremistas.

ver mais vídeos