Mar do Sul

Caças chineses intercetaram avião militar dos EUA em território disputado

Caças chineses intercetaram avião militar dos EUA em território disputado

Dois caças chineses intercetaram um avião militar dos Estados Unidos, no Mar do Sul da China, onde Pequim mantém disputas territoriais com vários países vizinhos, avançou a imprensa norte-americana.

De acordo com a NBC News, o modelo norte-americano WC-135 Constante Phoenix estava a realizar uma missão de rotina no espaço aéreo internacional sobre o Mar do Sul da China quando foi intercetado por dois Sukhoi Su-30 chineses.

O WC-135 está concebido para detetar sinais de atividade nuclear na atmosfera.

De acordo com a NBC, a tripulação norte-americana descreveu a interceção como "pouco profissional", mas não necessariamente perigosa.

Oficiais norte-americanos insistem que a aeronave operava de acordo com o direito internacional.

A porta-voz do ministério chinês dos Negócios Estrangeiros, Hua Chunying, afirmou que não ter informações sobre o incidente. O ministério da Defesa chinês recusou também comentar o caso.

Conteúdo Patrocinado