Mundo

Cartão de crédito de Obama rejeitado em restaurante

Cartão de crédito de Obama rejeitado em restaurante

Ter o cartão de crédito rejeitado é uma situação pela qual ninguém gosta de passar. No entanto, esta embaraçosa situação também aconteceu, imagine, ao presidente dos EUA!

Durante o anúncio de medidas de reforço de segurança de cartões de débito, Barack Obama revelou que, em setembro, viu o seu cartão de crédito rejeitado num restaurante em Nova Iorque. "Pelos vistos, parece que não o uso o suficiente. Julgaram que era uma fraude. Felizmente, a Michelle tinha o cartão dela", disse sorridente o presidente norte-americano, numa revelação que pretendia mostrar que é uma pessoas como todas as outras.

Obama confessou ainda que teve de se justificar à funcionária do restaurante, garantindo que pagava a suas contas. Já em julho, durante uma visita a Austin, no Texas, Obama apercebeu-se que não tinha dinheiro suficiente para pagar a despesa e teve de perguntar ao diretor da viagem se o cartão de crédito, do banco JP Morgan, iria funcionar, revela o "Washington Post".

Conteúdo Patrocinado