Amsterdão

Casal gay de abutres choca ovo abandonado e adota cria em zoo

Casal gay de abutres choca ovo abandonado e adota cria em zoo

Um casal de abutres macho, do zoo de Amesterdão, chocou um ovo abandonado durante dois meses. A cria, com 20 dias, está a ser acompanhada pelos dois pais.

A informação foi avançada por um membro do staff do Zoo, que deu conta do novo animal, nascido do ovo chocado pelos dois abutres macho. "Já os temos juntos há muitos anos. Sempre construíram o ninho em conjunto e têm uma relação muito forte", disse Job van Tol à "BBC".

Quando o staff do Zoo descobriu um ovo abandonado enviou-o para uma incubadora. Tendo em conta a união dos dois machos, decidiram arriscar e colocaram o ovo no ninho dos dois abutres.

"Sabíamos que era bastante arriscado e não tínhamos qualquer garantia de sucesso, mas decidimos que este era o momento deles e quisemos dar-lhes esta oportunidade", referiu.

Os dois pais têm demonstrado um grande sentido de proteção da cria, que tem agora 20 dias. Para ajudar o pequeno animal a comer, têm partido o alimentos, facilitando essa tarefa.

"Tal como em algumas espécies de pinguins, os abutres fazem as mesmas tarefas, de forma rotativa. As fêmeas depositam os ovos, mas depois é o casal, em conjunto, que os vai chocar. Também a procura por comida é feita pelos dois", explicou Van Tol.