Parlamento

Cazaquistão quer dar o nome do presidente à capital do país

Cazaquistão quer dar o nome do presidente à capital do país

O nome da capital de Cazaquistão, Astana, pode mudar e passar a ter o nome do atual presidente do país, depois de o Parlamento ter aprovado a medida na quarta-feira.

O Parlamento do Cazaquistão votou unanimemente, na quarta-feira, uma lei para dar o nome do presidente Nursultan Nazarbayev à capital do país. No entanto, ainda não se sabe se o presidente, de 76 anos, concorda ou não com a decisão, visto já ter rejeitado uma proposta similar em 2008.

O deputado que leu a proposta no Parlamento, Kuanysh Sultanov, espera que Nazarbayev dê a sua resposta dentro de semanas. Citado pelo "The Washington Post", disse que a decisão reflete a "contribuição excecional" do primeiro - e até agora único - presidente para o país.

Nursultan Nazarbayev governa o Cazaquistão desde 1989, dois anos antes da independência do país, quando ainda era uma República da ex-URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas).

O presidente já tem alguns monumentos, escolas e universidade com o seu nome, segundo a agência Reuters. O Banco Central do país também revelou que a imagem de Nursultan Nazarbayev vai ser impressa numa nota, a partir do dia 1 de dezembro, o dia conhecido como o "Dia do Presidente".

Apesar de vários grupos de direitos humanos criticarem Nazarbayev, o presidente é muito popular no país, tendo sido reeleito em 2015 com 98% dos votos.

O nome da capital, atualmente Astana, já foi mudado algumas vezes no século XX.

ver mais vídeos