Migrações

Cerca de 18 mil migrantes chegaram à Europa por terra este ano

Cerca de 18 mil migrantes chegaram à Europa por terra este ano

Cerca de 18 mil migrantes e refugiados chegaram à Europa por via terrestre desde janeiro, seis vezes mais do que durante o mesmo período do ano passado, segundo dados divulgados pelas Nações Unidas.

De acordo com estatísticas da Organização Internacional das Migrações (OIM), mais de um quinto dos migrantes chegou à Europa por via terrestre, usando principalmente a rota da Turquia para a Grécia.

"Os 17966 chegados por via terrestre à Europa entre janeiro e setembro representam um aumento de cerca de seis vezes em relação aos 2464 registados no mesmo período do ano passado", indicou a OIM em comunicado.

No mesmo período, mais de 74501 migrantes e refugiados entraram na Europa através do Mediterrâneo, com as chegadas a Espanha (32272) a ultrapassar as da Grécia (20961) e Itália (20343).

As chegadas através do Mediterrâneo registadas este ano representam uma redução relativamente aos 129 mil migrantes que entraram na Europa por esta via no mesmo período de 2017.

Durante este período, foram registadas 1586 mortes no Mediterrâneo, comparativamente com as 2565 ocorridas no ano anterior.

Na rota terrestre da Turquia para a Grécia, as autoridades assinalaram 12166 chegadas desde o início do ano, comparativamente com as 5550 registadas em 2017.

Mais de metade dos que chegaram à Grécia são provenientes da Síria, Iraque e Afeganistão.

De entre os cerca de seis mil migrantes e refugiados que chegaram por via terrestre, a maioria chegou a Ceuta e Melilla, enclaves espanhóis no norte de Marrocos, segundo o porta-voz da OIM, Joel Millman.

ver mais vídeos