Mundo

Cinco estudantes mortos à facada em festa de férias no Canadá

Cinco estudantes mortos à facada em festa de férias no Canadá

Cinco estudantes foram esfaqueados mortalmente numa festa a comemorar o final das aulas numa casa localizada num subúrbio de Calgary, informaram as autoridades canadianas, que acrescentaram estar detido o filho de um oficial da polícia.

A polícia acrescentou terem sido chamados ao local pelas 1.20 horas locais (8.20 horas em Portugal Continental) a uma casa onde decorria uma festa para comemorar as férias dos universitários e encontraram três mortos. Outras duas pessoas faleceram no hospital.

Quatro homens e uma mulher na casa dos 20 anos foram as vítimas mortais, tendo um deles sido descoberto, a sangrar, no relvado em frente da casa.

Depois de uma perseguição com cães e polícia foi detido um suspeito, um aluno, de 23 anos, da Universidade de Calgary e filho de um oficial de polícia, segundo uma notícia da televisão pública CBC.

O chefe da polícia local já caracterizou este caso como o "pior massacre" da história de Calgary e adiantou que o suspeito era um dos convidados da festa.

"O suspeito chegou à festa, pegou numa faca grande e esfaqueou cada vítima repetidas vezes", descreveu Rick Hanson, referindo que a motivação ainda é desconhecida.