Hugo Chávez

Conta no Twitter de Chávez permanece ativa

Conta no Twitter de Chávez permanece ativa

A conta do presidente venezuelano, Hugo Chávez, na rede social Twitter, com mais de quatro milhões de seguidores, ainda não foi cancelada e conserva as últimas declarações públicas atribuídas ao líder venezuelano.

"Continuo agarrado a Cristo e com confiança nos meus médicos e enfermeiras. Até à vitória sempre!! Viveremos e venceremos!!", é a última linha escrita na conta designada @chavezcandanga, indicou a agência noticiosa espanhola EFE.

Hugo Chávez morreu na terça-feira aos 58 anos vítima de um cancro que lhe foi detetado em junho de 2011.

Numa entrevista à agência norte-americana Associated Press, divulgada na quinta-feira, o chefe da guarda presidencial da Venezuela, general José Ornelas, um lusodescendente, afirmou que Chávez morreu de um ataque cardíaco fulminante e que pediu para não morrer.

Criada em 27 de abril de 2010, a conta de Chávez no Twitter era mais um instrumento de comunicação oficial do líder venezuelano. Com mais de quatro milhões de seguidores, Chavéz era o segundo governante internacional mais popular da rede, atrás do Presidente norte-americano, Barack Obama.

No Twitter, Chávez anunciou decisões governamentais, publicou documentos oficiais, felicitou colegas, desportistas e amigos, bem como divulgou as suas viagens, dentro e fora do país.

Também foi a plataforma oficial da comunicação das suas deslocações a Cuba, onde recebia tratamentos médicos desde junho de 2011.

Quinze dias antes da sua morte, Chávez anunciou através desta rede social, durante a madrugada de 18 de fevereiro, o seu regresso ao país. "Chegamos novamente à pátria venezuelana. Graças a Deus! Obrigado meu povo amado!! Vamos continuar aqui os tratamentos", escreveu nesse dia.

Na mesma ocasião, Chávez expressou os seus agradecimentos aos líderes cubanos: "Obrigado Fidel, Raul e a Cuba. Obrigado Venezuela por tanto amor!!".

ver mais vídeos