O Jogo ao Vivo

Mundo

Criada a primeira 'sex shop' para cristãos na Internet

Criada a primeira 'sex shop' para cristãos na Internet

Para pôr fim ao pudor sobre conversas sobre vibradores e outros acessórios eróticos, um ex-pregador protestante holandês criou a primeira 'sex shop' online para cristãos. Chama-se "Jardim do Amor" e pretende manter algum "decoro".

Marc Angenent, o fundador da loja online, já não é pregador protestante. Hoje, é um sexólogo preocupado com o "pudor tradicional" dos cristãos em matéria de sexo.

"Dentro do mundo cristão, há demasiada vergonha quando se trata de falar de sexualidade", disse Angenent à Imprensa holandesa.

O sexólogo reconhece que houve alguma evolução quanto a esse preconceito, mas "permanece a dificuldade de falar sobre problemas da vida sexual". A pensar nesse universo de pessoas, nasceu o "Jardim do Amor".

Tal como qualquer outra 'sex shop', também esta vende uma ampla variedade de produtos. Mas, por dirigir-se a um público cristão, pretende manter um certo nível de "decoro", explica Angenent, pelo que imagens de mulheres nuas e pornografia estão excluídas.