Mundo

Guardião dos segredos de Kadafi teme pela vida

Guardião dos segredos de Kadafi teme pela vida

O ex-primeiro-ministro líbio Al-Baghdadi Al-Mahmoudi, actualmente detido na Tunísia, "teme pela sua vida", porque é o único elemento do antigo regime que conhece "os segredos de Estado" da Líbia.

"Após a morte de Muammar Kadafi, Al-Mahmoudi é o único que guarda os segredos de Estado da Líbia e tornou-se numa presa valiosa para os serviços secretos", afirmou Mabrouk Kourchid, advogado do antigo dirigente, durante uma conferência de imprensa realizada em Tunes.

"Al-Baghdadi Al-Mahmoudi lança um pedido de ajuda porque teme pela sua vida", referiu o advogado, denunciando que as autoridades líbias estão "a tentar influenciar a justiça tunisina".

O antigo primeiro-ministro foi detido a 21 de Setembro, na Tunísia, após um mandado de captura emitido pelas autoridades de Tripoli.

A justiça tunisina decretou, na quinta-feira, a liberdade provisória para Al-Mahmoudi até à realização de uma audiência que irá avaliar a extradição do antigo dirigente, agendada para o próximo dia 22 de Novembro.

Apesar da decisão judicial, o ex-primeiro-ministro líbio continua detido na prisão de Mornaguia, localizada perto de Tunes.