Mundo

Invadiu casa e chamou polícia com medo dos donos

Invadiu casa e chamou polícia com medo dos donos

Um norte-americano telefonou à polícia de Portland, Estados Unidos, para comunicar um assalto a uma habitação. Para a surpresa dos policias, o individuo que efectuou a chamada foi o próprio assaltante, que temia ser baleado pelos donos da casa.

Thimoty James Chapek, de 24 anos, estava a tomar banho na casa que acabara de invadir quando a dona da habitação, Hillary Mackenzie, chegou ao local. "Acabei de entrar numa casa e os donos chegaram. Acho que eles estão armados", disse Chapek à polícia.

De acordo com a rede de televisão "ABC", o indivíduo não soube dizer às autoridades onde ficava a casa nem quis revelar o nome, alegando que poderia ser ouvido pelos donos da habitação.

Hillary Mackenzie estava perto da habitação e desconfiou da estranha movimentação na casa de banho, que fica no primeiro andar da casa. A mulher decidiu regressar para ver o que se passava, acompanhada por dois cães da raça pastor alemão.

Chapek contou que tinha sido sequestrado e preso dentro da casa de banho. A história não convenceu a mulher, que chamou as autoridades policiais de Portland para prender o "ladrão trapalhado".

O indivíduo manteve a mesma história para a polícia, mas acabou detido por ter invasão de domicílio.

ver mais vídeos