Idai

Japão anuncia apoio de 10,4 milhões de euros a Moçambique

Japão anuncia apoio de 10,4 milhões de euros a Moçambique

O Governo do Japão anunciou, na terça-feira, um apoio de 10,4 milhões de euros para os três países afetados pelo ciclone Idai.

A verba vai servir para fornecer alimentos, abrigos, coordenação de acampamentos e recuperação antecipada dos tecidos sociais e económicos através de três organizações internacionais, incluindo o Programa Alimentar Mundial (PAM), anunciou em comunicado.

Espera-se que o apoio alimentar chegue a 350.000 pessoas e que cerca de 27.000 passe a ter acesso a água potável.

Ajudas de várias partes do mundo continuam a chegar ao centro de Moçambique.

A Cáritas Portuguesa, em resposta a um apelo lançado pela Cáritas Moçambicana, angariou cerca de 347.600 euros, verba inserida no Plano de Resposta de Emergência da Caritas Internationalis que coordena toda ação da rede internacional Cáritas em Moçambique.

O plano de apoio prevê no total um apoio direto a 27.500 pessoas, com um orçamento global de 1,9 milhões de euros a ser aplicado até junho de 2019.

O ciclone Idai provocou 603 mortos em Moçambique, 344 no Zimbabué e 59 no Malauí.