Terrorismo

Mais de 1300 jiadistas estrangeiros detidos na Síria

Mais de 1300 jiadistas estrangeiros detidos na Síria

As Forças Democráticas da Síria, uma aliança armada liderada por curdos, anunciaram que têm detidos mais de 1300 jiadistas estrangeiros do grupo Estado Islâmico, que fugiram dos seus últimos redutos na Síria.

"Temos mais de 1300 combatentes do Daesh (acrónimo em árabe do Estado Islâmico) que foram detidos durante os combates ou que se renderam durante tentativas de fuga das áreas controladas pelas nossas forças", disse Mustafa Bali, porta-voz das forças curdas.

Este responsável acrescentou que todos estes detidos são "uma carga pesada" para as suas unidades.

"Os países de origem destes jiadistas devem encarregar-se da sua repatriação", solicitou.