EUA

Menina com síndrome de Down morre atacada pelo namorado da mãe

Menina com síndrome de Down morre atacada pelo namorado da mãe

A polícia de São Bernardino, na Califórnia, EUA, deteve um homem de 24 anos, suspeito de ter atacado a filha da sua companheira, uma menina de quatro anos que sofre de síndrome de Down.

O gabinete do Xerife daquela localidade emitiu um comunidade com os detalhes do incidente, que aconteceu no final do mês de março. De acordo com o relatório da polícia, a mãe da menina contactou os serviços de emergência às 19.56 horas depois de o companheiro, Adam Hughes, lhe ter dito que a menina estava na cama sem se mexer.

As autoridades dão conta de que o suspeito golpeou várias vezes a menina depois de ser "ter chateado por ela o ter incomodado várias vezes durante essa tarde".

O homem colocou a criança na cama e, poucas horas depois, alertou para o facto de a menor "ter os dedos e os lábios azuis".

Ainda com vida, a menina foi levada para um hospital onde foi alvo de um cirurgia para corrigir um traumatismo severo na cabeça. A menina acabaria por não sobreviver aos golpes e morreu no dia 29 de março. Tanto a mãe como o companheiro foram detidos por maus tratos a crianças.

Com a morte da menina, o homem é igualmente acusado de homicídio.

"A minha filha foi retirada deste mundo muito cedo por pessoas que deveriam protegê-la", escreveu o pai biológica na página que criou para angariar fundos de forma a pagar as cerimónias fúnebres.