O Jogo ao Vivo

Bahamas

Mulher dá abrigo a 97 cães vadios para salvá-los do furacão Dorian

Mulher dá abrigo a 97 cães vadios para salvá-los do furacão Dorian

Uma mulher nas Bahamas abrigou na sua casa 97 cães vadios para protegê-los do furacão Dorian, que atingiu o arquipélago nos últimos dias e já causou pelo menos cinco mortes. Agora pede ajuda para encontrar novas famílias para os animais.

"97 cães estão dentro da minha casa e 79 deles estão no quarto principal. Tem sido uma loucura desde a noite passada [sábado] (...), mas pelo menos eles estão a respeitar a minha cama e ainda nenhum se atreveu a subir", escreveu Chella Phillips, numa publicação na sua página de Facebook, na tarde de domingo.

Chella Phillips, que vive em Nassau, na ilha de Nova Providência, disse que abrigou os animais quando a tempestade se aproximou da região no fim de semana.

Embora Nassau não tenha sido a área mais atingida das Bahamas, ainda sofreu inundações e falta de energia, de acordo com os meios de comunicação social.

Chella é administradora da página de Facebook "The Voiceless Dogs of Nassau, Bahamas", que ajuda cães sem-abrigo durante todo o ano, através de donativos. Na terça-feira à tarde, a página de angariação de fundos arrecadou mais de 65 mil dólares (cerca de 59 mil euros) e a atitude durante o fim de semana mereceu inúmeros elogios nas redes sociais.

Numa outra publicação, no mesmo dia, Chella revelou que os animais estavam a reagir bem à situação. "Para todos os que perguntam... sim... todos se estão a dar bem e dão as boas-vindas aos recém-chegados com as caudas a abanar porque sabem que são irmãos e irmãs que sofrem nas ruas... Não são como os humanos egoístas que os maltrataram e abusaram deles, ou simplesmente passaram por eles e os deixaram a morrer nas ruas".

Na mensagem mais recente, partilhada na segunda-feira, a mulher disse que os cães estavam bem após uma "noite de stress" e de fortes inundações. "Rezo pelas outras ilhas que têm danos inimagináveis ​​e não vejo como algum cão ou ser vivo poderia ter sobrevivido lá fora. O meu coração está com eles. Obrigado pelo apoio e orações sinceras de tantas pessoas que nem nos conhecem".

Agora, Chella Phillips está a pedir ajuda para encontrar novos lares para as dezenas de cães vadios que salvou.