O Jogo ao Vivo

Emergência

Polícia americano ajuda mulher com convulsões em avião da TAP

Polícia americano ajuda mulher com convulsões em avião da TAP

Um polícia norte-americano fora de serviço, a bordo de um avião da TAP que fazia a ligação entre Munique, na Alemanha, e Lisboa, a 30 de dezembro, ajudou a tripulação a estabilizar uma passageira que sofreu convulsões em voo.

A história partilhada, este sábado, pela Polícia Estadual do Massachusetts dá conta dos atos heroicos de Christian Paluk, que regressava aos EUA, via Portugal, depois de ter estado na Alemanha.

O agente apercebeu-se, durante o voo, que algo de errado se passava, devido à movimentação fora do comum dos assistentes de bordo.

Pouco depois, pelo sistema sonoro do avião, o comandante perguntou se havia algum médico a bordo, mas como ninguém respondeu afirmativamente, Paluk decidiu que podia ajudar.

Foi até à frente do aparelho e identificou-se. Com recurso ao kit médico do avião da TAP, prestou primeiros socorros e ajudou a estabilizar a mulher, até que pudesse receber assistência médica à chegada a Lisboa.

Apesar de saber que o agente iria ficar "embaraçado" com a divulgação do ato, a instituição policial considerou que a atitude do polícia merecia distinção publica.