Mundo

Uma pessoa decapitada e vários feridos em ataque de islamita em França

Uma pessoa decapitada e vários feridos em ataque de islamita em França

Um homem envergando uma bandeira islâmica atacou, esta sexta-feira, uma instalação industrial de gás perto de Lyon, França, fazendo pelo menos um morto e vários feridos. Uma pessoa foi encontrada decapitada e foram registadas várias explosões.

Segundo a edição online do "Le Monde", uma pessoa foi encontrada decapitada e várias ficaram feridas na sequência de explosões registadas naquela instalação industrial de Isère.

Segundo o "Le Monde", as explosões foram provocada por dois indivíduos que se lançaram com uma viatura contra a barreira de entrada fábrica da "Air Products", em Saint-Quentin-Fallavier, Isères.

De acordo com o "Dauphiné Liberé" (DL), um homem vestido de negro, alegando pertencer ao Daesh (acrónimo de Estado Islâmico), entrou nas instalações e accionou várias pequenas bombas, cerca das 9.50 horas locais (8.50 em Portugal continental).

Segundo com informações próximas da investigação, a cabeça da pessoa decapitada foi encontrada entalda no gradeamento da fábrica, a dezenas de metros do corpo, e tinha inscrições em árabe escritas na testa.

A vítima, ainda por identificar, trata-se, aparentemente, de uma pessoa externa à empresa.

Uma pessoa foi entretanto detida, revela o canal de televisão France 3. "Poderá tratar-se do presumível autor do atentado", acrescenta.

Segundo o DL, um outro suspeito está a ser procurado pelas autoridades. Terá escapado numa viatura e foi mobilizado um helicóptero par a zona, para ajudar nas buscas. A segurança na região foi reforçada em todos os locais sensíveis.

De acordo com o o "Dauphiné", o detido, com cerca de 30 anos, já estava referenciado pelos serviços de segurança franceses. A identidade do suspeito não foi confirmada, uma vez que o suspeito recusa falar.

O ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve, está a deslocar-se para o local. O presidente francês, François Hollande, anunciou, entrentanto, que deixará Bruxelas, onde tem estado no âmbito da reunião do Conselho Europeu, para voltar para França, durante a tarde.

Imobusiness