Mundo

Israel dispara sobre Síria em resposta a tiros contra veículo militar

Israel dispara sobre Síria em resposta a tiros contra veículo militar

A artilharia israelita abriu fogo sobre território sírio em resposta a disparos contra um veículo militar israelita, sem fazer feridos, na parte dos montes Golã ocupada por Israel, indicou uma porta-voz do exército.

"Houve disparos contra soldados na parte central dos Golã", declarou a porta-voz, citada pela agência France-Presse, precisando que os disparos atingiram "um veículo".

"Os soldados ripostaram com artilharia em direção à origem dos tiros. O alvo foi atingido", disse a porta-voz, sem fornecer mais pormenores.

Trata-se da mais recente troca de tiros entre israelitas e sírios, no final de uma semana marcada por numerosos incidentes nesta zona.

No domingo passado, o exército israelita disparou em direção à Síria após a queda de um morteiro sírio na parte dos Golã ocupada por Israel, no primeiro incidente do género em quase 40 anos.

No dia seguinte, os soldados israelitas ripostaram com um novo disparo de morteiro, efetuado na direção de onde tinha sido disparado o morteiro sírio, atingindo o alvo diversas vezes, segundo o exército israelita, que indicou ter "apresentado queixa junto das forças da ONU na região".

Na quinta-feira, novos tiros procedentes da Síria atingiram a parte do planalto dos Golã ocupada por Israel, sem fazer feridos, segundo o exército israelita.

Israel ocupa desde 1967 cerca de 1.200 quilómetros quadrados do planalto dos Golã, que anexou, uma decisão nunca reconhecida pela comunidade internacional, tendo cerca de 510 quilómetros quadrados continuado sob controlo sírio.